3 motivos para começar a investir em ações americanas já

Ações americanas

Ações americanas sempre despertam a curiosidade dos investidores. Contudo, alguns investidores ainda possuem certo receio de investir em ações americanas.

Pensando nisso, confira agora 3 motivos, para começar a investir em ações americanas hoje mesmo!

O que são ações internacionais?

Primeiramente, antes de investir no exterior, e entender os motivos de ir de cabeça no mercado exterior, você precisa saber a definição dessas ações.

Se você já investe em Ações no Brasil, então já sabe que elas dizem respeito a títulos patrimoniais. Assim, ao comprá-las, os acionistas passam a contar com uma pequena parcela do capital social das companhias. De maneira geral, o funcionamento é o mesmo fora do país.

Uma ação internacional, como o próprio nome já diz representa uma ação listada em uma Bolsa localizada no exterior. Ou seja, qualquer ação que esteja listada em qualquer bolsa que não seja a Ibovespa, a nossa Bolsa brasileira.

Estas ações, representam as maiores empresas do mundo. Assim, investir em ações internacionais, significa se expor seus investimentos as melhores empresas do mercado mundial.

Mas quais motivos você tem, para investir em ações internacionais? Confira agora!

Os motivos para investir em ações internacionais

Diversificação de carteira

Uma das vantagens de manter parte do seu portfólio no exterior é manter a diversificação da carteira.

Não é de hoje que o Brasil sofre com problemas econômicos e políticos. Estes fatores afetam diretamente o mercado financeiro brasileiro e assim, seus investimentos! Logo, manter ativos estrangeiros irá aumentar a estabilidade da sua carteira.

Afinal, como diz o jargão popular, “nunca aposte todos os ovos em uma mesma galinha!”

Uma carteira diversificada, é a principal ferramenta de defesa de um investidor. Em crises financeiras, como vimos atualmente a crise do coronavírus, que afetou a economia global. Os investidores que diversificaram seus investimentos sentiram menos este impacto. Afinal, a grande desvalorização do real em frente ao dólar, na verdade, aumentaram ainda mais os lucros dos investidores que mantinham ações estrangeiras em suas carteiras de investimentos. Este ponto é tão importante, que será melhor discutido no tópico a seguir:

Exposição ao dólar

Considerando o baixo valor do real em relação ao dólar, manter uma segunda moeda pode ser o incentivo a mais que você precisa para investir em ações internacionais.

O mercado americano conta com algumas das maiores empresas do mundo. Estas empresas possuem as melhores tecnologias e os melhores profissionais, o que lhes dá uma vantagem de crescimento em comparação as companhias brasileiras.

Manter uma carteira exposta ao dólar, significa manter seus investimentos alocados na moeda mais segura do mundo. Afinal o dólar serve como referência para economia global, e sua reserva de valor se tornou quase como o padrão internacional das maiores economias do mundo. O dólar em si, é um ótimo investimento. Por isso, expor sua carteira a essa moeda, é um motivo substancial a se considerar para entrar no mercado de ações internacionais.

Diversificação de mercado

Além disso, se considerarmos as principais bolsas de valores nos EUA (Nasdaq e NYSE), estamos falando de mais de 5.500 empresas para decidir onde investir.

O mercado internacional é mais maduro que o brasileiro. Afinal as bolsas de valores dos Estados Unidos, é o mercado mais antigo e tradicional, do mundo. Possuindo uma infinidade de ações e novas opções de investimentos além das existentes no mercado brasileiro.

Quais as opções para investir no estrangeiro?

Para investir no exterior existem algumas opções. Em suma, você pode investir de 2 maneiras:

Diretamente no exterior, através de uma corretora americana, ou então, através da Bolsa brasileira, utilizando as BDRs. Clique aqui para conferir o guia definitivo das BDRs preparada pela redação do investir global.

Vale lembrar que às duas opções te dão acesso aos ETFs, fundos de investimentos internacionais negociados em bolsa. Contudo, o mercado americano, por ser mais maduro, te dá milhares de opções além das poucas opções do mercado brasileiro. Caso este termo seja novo para você, clique aqui e confira uma explicação mais detalhada dos ETFs, e como você pode utiliza-los para fortalecer sua carteira de investimentos.

Por fim, confira agora, duas carteiras de investimento. Uma de BDRs, de ações estrangeiras localizadas em nossa Bolsa, e uma carteira de ações exclusivamente americana.

Faça parte do melhor grupo de Investidores Globais: clique aqui Para receber as melhores recomendações diárias, siga nossas redes sociais:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *