5 ETFs de Cannabis para investir em 2021

Cannabis

O mundo dos ETFs é um verdadeiro universo à parte dentro do mercado de ações. Os ETFs (Exchanged Traded Funds), tem a sua fama e popularidade graças a sua praticidade de mercado. Assim, estes fundos de investimentos, nas mãos de certos investidores podem ser uma arma poderosa. Além disso, os ETFs possuem uma série de particularidades que os dão certa vantagem em relação aos fundos de investimentos mais tradicionais. Você pode conferir um pouco mais sobre estes fundos clicando aqui.

Estes fundos contemplam uma grande diversificação, seguindo indexadores específicos. Assim sendo, são bastante versáteis para se ter em sua carteira de investimentos. Além disso, com a negociação das cotas ocorrendo em bolsa, essas cotas tem uma grande liquidez e preços de venda bem mais acessível aos investidores “comuns”. Além disso, estes fundos, graças a sua característica de fundo de investimento, pode ter inúmeros propósitos. Assim, a área de aplicação de um ETF depende exclusivamente da criatividade do gestor por trás do fundo. E estes gestores, em geral, tem realmente muita criatividade. Por isso, confira agora, 5 ETFs para você captar o mercado de Cannabis em sua carteira de investimentos.

O setor

Contudo, foi apenas nos últimos anos que você pôde considerar a compra de ETFs de Cannabis. E honestamente, a indústria era tão volátil que você provavelmente não queria comprá-la de qualquer maneira, a menos que tivesse nervos de aço.

Mesmo hoje, as ações individuais de Cannabis podem estar em alta ou em baixa. No entanto, isso não quer dizer que não haja boas compras por aí, mas você ainda precisa ficar de olho nas coisas. Como setor, entretanto, as coisas estão melhorando, pelo menos no longo prazo. As vendas no varejo de produtos de maconha devem triplicar até 2024, à medida que mais estados americanos, e outros países legalizam a maconha e a indústria está começando a amadurecer.

Então, para algumas pessoas — principalmente investidores que não conseguem lidar com essa volatilidade, ou que não têm ativos suficientes para diversificar adequadamente — investir em fundos de índice de maconha e ETFs (fundos negociados em bolsa) que possuem um monte de fundos melhores ações do setor, é provavelmente uma opção mais interessante. Dessa forma, você evita os eventuais problemas isolados do mercado, e, ao mesmo tempo, participa do incrível crescimento do setor

Em suma, o momento pode ser excelente para investir em ações da Cannabis, a calma após as altas recentes permitem novas margens de crescimento. Resta saber se você vai entrar nessa “brisa”.

Os 5 melhores ETFs para entrar no mercado de cannabis

ETFMG Alternative Harvest (MJ)

Primeiramente, o ETFMG Alternative Harvest foi o primeiro ETF de maconha nos EUA e tem US$ 2 bilhões em ativos totais. As 10 principais ações do Alternative Harvest ETF incluem várias ações do setor de Cannabis, como Tilray Inc (TLRY) e GrowGeneration Corp (GRWG). Ainda assim, o fundo também se afasta um pouco do espaço da maconha. Suas participações também incluem um grupo de empresas de tabaco, como Philip Morris International Inc. (PM) e Altria Group Inc (MO).

AdvisorShares Pure Cannabis ETF (YOLO)

A AdvisorShares Pure Cannabis, dos Estados Unidos, tem US$ 378 milhões em ativos. Atualmente, ela detém mais de 28% de seus ativos em Ações Institucionais do Fundo Fiduciário do Tesouro dos BlackRock Liquidity Funds (TTTXX), que detém principalmente títulos do Tesouro dos EUA. A segunda maior holding é a Village Farms International Inc (VFF), que produz produtos de Cannabis, mas também comercializa e distribui tomates, pimentões e pepinos, e inclui uma subsidiária no setor de energia.

Global X Cannabis ETF (POTX)

A Global X tem US$ 185 milhões em ativos totais e uma taxa de administração de 0,50%. Este ETF, iniciado em setembro de 2019, pode ser um dos ETFs mais focados em Cannabis. Nove de suas 10 maiores participações estão firmemente na indústria da Cannabis. Isso inclui GW Pharmaceuticals PLC ADR (GWPRF), OrganiGram Holdings Inc (OGI) e Tilray.

The Cannabis ETF (THCX)

O Cannabis ETF tem US$ 161 milhões em ativos e mantém alguns títulos, mas a maioria de seus dez maiores ativos está especificamente no setor de maconha. Nomes como Tilray, Village Farms, GrowGeneration, Cronos Group Inc (CRON) e Canopy Growth Corporation (CGC) estão todos aqui.

Amplify Seymour Cannabis ETF (CNBS)

Amplify Seymour Cannabis ETF tem US$ 147 milhões em ativos e uma taxa de administração bastante média de 0,65%. O fundo foi inaugurado em julho de 2019. Entre as 10 principais participações está o Dreyfus Government Cash Management Fund Institutional Shares (DGCXX), um fundo mútuo que investe em “títulos emitidos ou garantidos quanto ao principal e juros pelo governo dos EUA”. O crescimento explosivo do investimento em maconha e desta indústria é inegável. E é melhor começar rápido, pois muitos estão capitalizando no crescimento incomparável deste setor. Mas escolha com cuidado.

Por fim, não deixe de clicar aqui, para conferir 5 regras que você precisa saber antes de entrar na brisa dos investimentos em Cannabis.

Faça parte do melhor grupo de Investidores Globais: clique aqui Para receber as melhores recomendações diárias, siga nossas redes sociais:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *