O que são BDR’s? Veja os principais da Bolsa

O que são BDR's

Você sabia que existe mais de uma alternativa para se fazer investimentos em empresas estrangeiras como Amazon, Apple e Facebook? Acompanhe a seguir uma delas, os BDR’s, e saiba o que são e algumas recomendações, segundo o Banco Inter.

O que são BDR’s?

Primeiramente, BDR é a sigla para Brazilian Depositary Receipt, também conhecido como Certificado de Depósito de Valores Mobiliários (CDVM). Esse ativo pode ser definido com um título com ações de empresas estrangeiras negociadas na B3, tornando-as acessíveis aos investidores brasileiros dessa maneira.

Por meio do BDR, um brasileiro pode promover investimentos em empresas fora do Brasil. Por outro lado, as empresas do exterior ganham por meio desse ativo uma alternativa para captarem recursos no mercado brasileiro.

No entanto, é preciso que se entenda que ao possuir uma BDR, o investidor se torna um “acionista indireto” das empresas. Mas como assim? Para entender melhor, basta comparar o processo de compra das BDR’s com o processo de uma ação ordinária.

Funcionamento das BDR’s vs ações

Ao se comprar uma ação, o processo envolve entrar em contato com a sua corretora e esperar a confirmação da transação, apenas. Dessa maneira, o investidor se torna acionista por ser proprietário da ação até que se decida fazer o processo de venda.

No caso da BDR, esse ativo é composto de ações de empresas estrangeiras que foram compradas por uma instituição financeira autorizada pela CVM chamada instituição depositária.

Nesse sentido, ao se fazer a ordem de compra da BDR, o investidor adquire apenas a BDR, mas a ação estrangeira contida nela, não.

Sendo assim, pelo fato da pessoa ter seu dinheiro investido na empresa, mas não possuindo as ações diretamente, faz existir esse entendimento de “acionista indireto”.

Mesmo assim o retorno para um acionista direto e o proprietário de uma BDR são similares.

A diferença principal para um investidor brasileiro é que ao operar diretamente com as ações, a pessoa precisa passar pelas etapas de abrir conta no exterior e entregar os documentos e declarações obrigatórias, por exemplo.

Enquanto isso, para adquirir um BDR, o processo é igual ao de comprar uma ação ordinária. Além disso, existem tipos específicos de BDR.

BDR patrocinado, não-patrocinado e níveis de BDR

Conforme descrito acima, existe mais de um tipo de BDR. Nesse sentido existe o BDR patrocinado, com nível I, II e III e o BDR não-patrocinado.

Em primeiro, o BDR patrocinado é quando uma empresa estrangeira contrata uma instituição depositária para ser emissora de BDR’s no mercado nacional. Nesse sentido, ele pode possuir os níveis patrocinados I, II e III.

Sendo assim, o BDR nível I se destina para pessoas físicas ou jurídicas com investimentos superiores a R$ 1 milhão de reais. Além disso eles podem ser adquiridos por repartições específicas como instituições financeiras, fundos de investimento, administradores de carteira, consultores de valores mobiliários autorizados pela CVM, por exemplo. Dessa maneira, essa opção se mostra mais restrita.

Por outro lado, os BDR’s nível II e III são mais acessíveis. Enquanto o anterior tem uma série de exigências, esses últimos apenas exigem registro da empresa emissora na CVM e admissão para negociação na B3.

Em relação o BDR não-patrocinado, a característica do título é que ele é feito por uma instituição depositária sem acordo com a empresa estrangeira emissora. Dessa maneira, ela é a responsável por repassar as informações financeiras e corporativas da empresa do exterior.

Top BDR’s do Banco Inter

Conforme publicação do Banco Inter, a instituição financeira indicou 10 BDR’s aos investidores. São eles:

  • Amazon (AMZO34) – Paridade ação/BDR: 1:2;
  • MercadoLibre (MELI34) – Paridade ação/BDR: 1:10;
  • Apple (AAPL34) – Paridade ação/BDR: 1:10;
  • Microsoft (MSFT34) – Paridade ação/BDR: 1:1;
  • Alphabet (GOGL34) – Paridade ação/BDR: 1:25;
  • Facebook (FBOK34) – Paridade ação/BDR: 1:2;
  • Tesla (TSLA34) – Paridade ação/BDR: 1:4;
  • Berkshire Hathaway (BERK34) – Paridade ação/BDR: 1:1;
  • Walt Disney (DISB34) – Paridade ação/BDR: 1:1;
  • Comcast (CMCS34) – Paridade ação/BDR: 1:1;

Além disso as instituições depositárias das ações se dividem em Banco B3, Bradesco e Itaú Unibanco.

Dessa maneira, os BDR’s do Banco B3 são do MercadoLibre, Apple, Microsoft, Alphabet, Facebook, Tesla e Comcast.

Em seguida, os BDR’s do Bradesco são da Berkshire Hathaway e Walt Disney.

Por fim, o BDR restante da Amazon pertence ao Itaú Unibanco.

Faça parte do melhor grupo de Investidores Globais: clique aqui Para receber as melhores recomendações diárias, siga nossas redes sociais:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *